5.1.07

Futuro: felicidade


No futuro, haverá um mundo ideal, onde toda a gente será feliz.
O segredo para a felicidade colectiva é todos amarmos aquilo que fazemos.
Como é que isso se consegue? Consegue-se manipulando à partida os nossos genes, por forma a que todos fiquemos contentes com o nosso destino na sociedade. O processo é simples: os embriões são classificados em alfas, gamas, betas, deltas e ípsilons. Essa classificação vai dar origem a diferentes classes sociais. Naquela classificação, quanto mais baixa a classe, menos oxigénio se dá aos embriões. O primeiro órgão a ser afectado é o cérebro, depois o esqueleto humano. Aqueles que ficarão na base da pirâmide social são pessoas pequenas e com fracas capacidades mentais. Nunca arquitectariam qualquer tipo de revolução ou sequer imaginavam o que seria isso.
Todos viveremos finalmente em harmonia. E estará encontrado o segredo da felicidade.
Em que mundo tudo isto será finalmente possível?

6 comentários:

Quem? disse...

NO nosso!?

carlopod disse...

já estivemos mais longe, lá isso já...
Mas onde na literatura é que um mundo assim foi idealizado?

indigenteandrajoso disse...

no "admirável mundo novo" claro está

Quem? disse...

ok....já podias ter dito....
Brave new world, ou o admirável mundo novo! ;)

carlopod disse...

duas respostas ao mesmo tempo.
vou dar 1 ponto a cada um, mas acho que vamos passar a institucionalizar meios pontos.

indigenteandrajoso disse...

carlo, tenho um post mas o beta nao me deixa meter, esta gravado em draft, podes ver se consegues?